Publicado em Deixe um comentário

Os benefícios de tomar duches frios

Porquê tomar duches frios?

Os duches frios beneficiam a nossa imunidade guerreira e a desintoxicação do nosso corpo.

Muito utilizado em contexto de Yoga, permite, por exemplo, que o teu momento de descontração, seja feito sem necessidade de um agasalho ou manta, porque o teu corpo terá a capacidade de controlar a sua temperatura de forma natural.

Os duches frios provocam a termogénese, que aumentam a nossa cetose hepática, que por sua vez aumenta a nossa capacidade de oxidação de gordura, gordura essa que comemos e contemos nos nosso corpo.

Esta oxidação da gordura é importante porque, usada como o nosso combustível principal (deixando os hidratos de carbono de lado, para serem eliminados da nossa dieta) tornam o nosso cérebro mais atento, mais ativo, melhoram a nossa memória, queimam tecido adiposo, dá-nos mais energia, desintoxica-nos de produtos químicos que entram de alguma forma no nosso organismo, libertam-nos de emoções mal resolvidos, de estados de pânico ou ansiedade e regulam a nossa temperatura corporal a um estado ideal para a nossa homeostase.

Estados estes, provocados por nós mas, que podemos resolver ao dar ao nosso corpo as condições ideias para ele estar em equilíbrio, porque afinal o nosso corpo é uma máquina perfeita.

Quais os erros que se cometem ao iniciar os duches frios?

1 – Não ter um objetivos definidos. Querer fazer a prática, mas não sei bem para quê.

2 – Não saber sobre os seus benefícios concretos.

3 – Não conhecer as nossas fraquezas e assim identificar-nos com elas. Ter um auto-conhecimento desenvolvido, é essencial, mas nunca assumir o passado com sendo tu própria – sou friorenta, não sou capaz – dizendo isto consecutivamente, alimentamos as nossas fraquezas e não avançamos na prática.

Querer uma recompensa, uma mudança na nossa condição, mas não fazer o que é necessário: Sou friorenta (que é uma debilidade do organismo, não conseguir manter a temperatura corporal) mas tornar a prática numa situação consistente não, porque nos agarramos ao ser débil, sem assim mudar essa mesma condição.

O mau humor matinal, pode ser outra fraqueza – se já acordo com mau humor, se tomar um banho gelado ainda fico pior – pelo contrário, vai ativar a tua energia e o mau humor desaparece.

4 – Não ter uma metodologia e um plano gradual para a nossa rotina.

Tudo deve ser gradual, e esta prática não é diferente. A respiração tem que ser otimizada e gerida, para puderes gerir as tuas emoções, os teus pensamentos, o stress causado, o medo, e criar uma rotina, para que te possas equilibrar e fortalecer o teu jogo mental, para tirares os resultados positivos desta prática.

Porquê iniciar a prática do duche frio? Quais os seus benefícios?

1 – Estimula a termogénse do teu corpo, para um corpo mais saudável.

2 – Começas por trabalhar, ativamente, a tua mente.

Ao entrares num duche frio sentirás medo, sensação de pânico, suspendes a respiração.

Para controlares estas sensações deves ter um diálogo interno inabalável, convição total sobre as tuas capacidade os teus poderes, sobre os teus talentos e não ouvir nunca coisas como “é mesmo assim”, “não sou capaz”, “sou ou vou ficar doente”.

Todas estas conversas e histórias são criadas por nós e só nós as conseguimos vencer com este diálogo forte e empoderador e uma grande força mental.

Com a prática do duche frio eliminas do teu corpo o teu medo de sofrer, tornas-te, assim, mais saudável e mais positiva contigo mesma.

3 – Melhoras a qualidade do teu sono que, para uma vida saudável, é uma das condições primárias e que cada vez se torna mais difícil dormir com qualidade e acordar com energia.

4 – Beneficia uma ativação mental que te leva a concluir as tuas tarefas, do dia-a-dia, com menos esforço e com mais entusiasmo.

5 – Outro benefício trata-se do treino cardio-respiratório.

Ao fazeres uma boa gestão da tua respiração, terás o domínio da tua integridade, o que te irá ajudar a ficar debaixo de água fria, mas também, a lidar com situações de medo, de pânico , de ansiedade, de pressão psicológica e mental.

E como consequência terás um excelente treino para lidares com as situações desafiadoras que te estagnam, que não te deixam avançar para a tua vida de sonho, como por exemplo, começar um negócio, traçar um plano de vida mais audacioso, ou até mesmo, libertares algumas crenças limitadoras.

6 – Submeter o corpo a um stress, digamos controlado, como é entrar em água fria, chamado hormese, ajuda-nos a lidar com todo o tipo de stress, físico, psicológico e emocional.

Como és tu que estás a controlar este treino, este pequeno stress controlado, será sempre um treino para o stress do dia-a-dia e não uma alteração na tua homeostase.

7 – O teu corpo fabrica e tem um stock próprio de endocanabinóides, que provém do nome canábis, por provocar estados alterados de consciência.

Em povos ancestrais era possível atingir este grau de consciência alterado sem qualquer substância consumida. Ao entrar em duche frio podemos também experimentar essa sensação. Não quer dizer que aconteça sempre, mas é muito provável que com o treino e consistência, experimentar essa sencação.

Neste momento já existem bastantes estudos científicos que comprovam os benefícios do duche frio. Wim Of, é um excelente exemplo comprovado dos benefícios desta prática, aliada ao Breathwork, para tornar o nosso corpo mais saudável e desenvolver uma imunidade guerreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *